Page tree
Skip to end of metadata
Go to start of metadata

O arquivo settings.xml possui elementos que são usados na configuração e execução do Maven, como no pom.xml, porém este não devem ser empacotados em qualquer projeto ou distribuídos para um público. Esse arquivo incluem valores que direcionam para repositórios locais, servidores de repositórios remotos alternativos e informações de autenticação.

Pré-requisitos

Antes de começar a seguir os passos do tutorial é preciso ter certeza de que se tem um ambiente minimamente preparado para reproduzir o exemplo. Abaixo estão os requisitos principais.

Requisitos:

  1. Projeto do tipo mobile criado. Caso haja dúvidas de como criar esse tipo de projeto acesse o link ( Criar novo projeto );
  2. Ter conhecimento sobre o Maven. Para mais informações, acesse o link (Maven).
  3. Ter conhecimento sobre as configurações do settings.xml, veja a documentação de referência em (Settings ReferenceSettings).

Visão geral: exemplo

Nesse tutorial iremos aprender a criar o arquivo settings.xml do Maven, permitindo, o download de bibliotecas privadas com acesso restrito.


Figura 1 - Obtendo dependências Maven com repositórios privados e acesso restrito

Resumo do settings.xml

A estrutura XML do settings está organizada de forma a facilitar a configurações no Maven, abaixo segue um resumo simples da sua estrutura.

  • "Elementos da raiz": tags de configuração do usuário e sistema;
  • proxies: referente a configurações da requisição do proxy;
  • servers: contém informações necessárias para as configurações do servidor;
  • mirrors: espelho para download de determinadas dependências alternativas;
  • profile: modifica alguns parâmetros do ambiente no processo de build;
    • activation: chaves de ativação de um perfil;
      • so: ativa os atributos de um sistema operacional;
      • propertyusada para ativar um perfil;
      • fileespecificação de arquivo usado para ativar um perfil;
    • repositoriesestabelece conexões com o repositório remoto;
      • releases: politicas de download;
      • snapshots: politicas de download;
    • pluginRepositoriescontém as informações necessárias para estabelecer conexões com o repositório remoto.


Saiba mais

Veja a estrutura XML completa e em detalhes no link settings.

Criando o arquivo settings.xml

Por padrão, o arquivo settings.xml não é gerado junto ao criarmos um projeto no CronApp. Nesse caso, o programador deverá criar o arquivo no diretório raiz do seu projeto.

Para criar o arquivo na raiz do projeto, clique com o botão direito do mouse no nome do projeto, na árvore de arquivos, selecione Novo  Outros e insira o nome do arquivo "settings.xml", como na Figura 2.



Figura 2 - Criando o arquivo settings.xml na raiz do projeto.

Chamando biblioteca com acesso privado

1. Chamada no pom.xml

No Maven, o arquivo pom.xml (ou Definições Maven) é onde são colocamos todos as bibliotecas que são baixadas no nosso projeto pelo Maven, no caso de bibliotecas privadas com acesso restrito, isso também deve acontecer, porém os dados de autenticação ficarão no arquivo settings.xml.

Abra o arquivo pom.xml (ou Definições Maven) e adicione os dados do repositório privado dentro da tag <repositories>. No exemplo da figura 3 estamos chamando os dados de uma dependência privada fictícia.


Figura 3 - Adicionando os dados do repositório no pom.xml.


Mais sobre

Para mais informações sobre o pom.xml e como configurá-lo, acesse a documentação oficial "Pom reference".


2. Configurando o settings.xml

De volta ao arquivo settings.xml, abra o arquivo que está na raiz da árvore de arquivos (Figura 4) para começar a editá-lo.

Figura 4 - Localização do arquivo criado.


vamos adicionar o código abaixo, com as informações mínimas necessárias para permitir o acesso a uma dependência privada com acesso restrito. Nela estamos inserindo informações como nome do diretório, localização, nome do usuário, senha e algumas outras informações.

settings.xml
<?xml version="1.0" encoding="UTF-8"?>
<settings 
	xsi:schemaLocation="http://maven.apache.org/SETTINGS/1.1.0 http://maven.apache.org/xsd/settings-1.1.0.xsd" 
	xmlns="http://maven.apache.org/SETTINGS/1.1.0"
	xmlns:xsi="http://www.w3.org/2001/XMLSchema-instance">
	<servers>
		<server>
			<id>libs-release</id>
			<username>NomeDoUsuario</username>
			<password>Senha</password>
		</server>
	</servers>
	<profiles>
		<profile>
			<id>artefatos</id>
			<repositories>
				<repository>
					<id>libs-release</id>
					<name>libs-release</name>
					<releases>
						<enabled>true</enabled>
					</releases>
					<url>https://artefatos.cronapp.com.br/libs-release</url>
				</repository>
			</repositories>
		</profile>
	</profiles>
	<activeProfiles>
		<activeProfile>artefatos</activeProfile>
	</activeProfiles>
</settings>

Saiba mais

Caso tenha algum dúvida sobre o uso de algumas das tags, favor acessar a documentação oficial em settings.xml.

Baixando as dependências

Para baixar as dependências, salve todos os arquivos editados, clique com o botão direito do mouse no arquivo pom.xml (ou Definições Maven) e selecione Maven  Obter dependências do maven. (Figura 5)


Figura 5 - Obtendo dependências do maven.


Após baixar as dependências, a mensagem "Dependências do Maven obtidas com sucesso." deve aparecer no console, confirmando o êxito na ação, como mostrado na Figura 6.

Figura 6 - Dependências obtidas com sucesso.





Nesta Página