Skip to end of metadata
Go to start of metadata

 

O CronApp é uma plataforma que facilita bastante o seu desenvolvimento de aplicações web e mobile, contudo nossa IDE também tem ótimo suporte para a publicação de seu sistema. Vale lembrar que você possui um espaço de memória(de acordo com seu plano) em nossos servidores, podendo publicar um determinado número de projetos sem precisar de um servidor próprio. 

Gerenciador de Aplicações

Após seu projeto ser publicado (dúvidas? veja em :Criando um projeto web para publicação), podemos acessar o mesmo na sua URL, porém essa seria a forma de um usuário acessar sua aplicação, para fins de gerenciamento o CronApp possue o gerenciador de aplicações(Console). Você pode acessá-lo no Menu>Deploy>Console (figura 1.1) ou na área de atalhos abaixo do menu (figura 1.2).

 

Figura 1.1 - Abrindo Gerenciador de aplicações pelo menu.

 

Figura 1.1 - Abrindo Gerenciador de aplicações pela área de atalhos.


 O gerenciador de aplicações (figura 2) é uma ferramenta de monitoramento que tem a seguinte estrutura:

Nome da aplicação

  •  Aqui é a área reservada para o nome do projeto publicado, vale ressaltar que todos os projetos( abertos ou não) do usuário aparecem no console de aplicações.

URL 

    • Aqui é área reservada para a url de acesso do sistema publicado.

Status 

    •  Aqui é área reservada para indicar o status do sistema (basicamente se está ativo ou não)

Ações 

    • Aqui é área reservada para realizar as ações no console
      • 1. Opção para subir a aplicação no servidor.
      • 2. Opção para suspender a aplicação
      • 3. Opção para excluir publicação
      • 4. Opção de monitoramento de requisições HTTP no sistema(figura 3).

Detalhes 

    •  Aqui é área reservada para indicar as variáveis de ambiente(figura 4.1) .
      •  Aqui o ambiente de nuvem do CronApp disponibiliza variáveis que podem ser usadas pela sua aplicação para se auto-configurar. Por exemplo, existem variáveis de ambiente que informam as credenciais da base de dados instalada no ambiente, para que a aplicação possa acessar os dados.
    •  Aqui é área reservada para indicar  os logs do sistema(4.2).
      •  Aqui o ambiente de nuvem do CronApp disponibiliza os logs da sua aplicação. Por exemplo, se sua aplicação imprimiu alguma mensagem no console (System.Out.Println), essa mensagem vai aparecer nesse console.

 

Figura 2 - Gerenciador de aplicações


Figura 3 - Monitoramento do sistema

 

Figura 4.1 - Variáveis de ambiente


Figura 4.2 - Logs do sistema

 

 

 

Nesta página

 

  • No labels